Centro de Estudos Sociais
sala de imprensa do CES
RSS Canal CES
twitter CES
facebook CES
youtube CES
22-07-2014        Deutsche Welle [Alemanha]

Com a entrada da Guiné Equatorial, a CPLP passará a produzir quase 5 milhões de barris por dia. São apontadas vantagens geopolíticas e de cooperação, mas os benefícios para as populações não são tão óbvios.s



Documentos
   LER ARTIGO   

 
 
pessoas
José Manuel Pureza



 
temas
Timor-Leste    Guiné Equatorial    petróleo    CPLP