Centro de Estudos Sociais
sala de imprensa do CES
RSS Canal CES
twitter CES
facebook CES
youtube CES
19-10-2015        Antena 1

O ex-ministro grego das Finanças esteve à conversa com o jornalista da Antena 1, Frederico Pinheiro, onde aponta a emigração e a estagnação da economia como exemplos do falhanço da austeridade.

Yanis Varoufakis visitou Portugal e, numa aula de Economia em Coimbra, explicou que as políticas que a Bruxelas e o Fundo Monetário Internacional, aplicadas aos países endividados, são como sentenças de morte.

Já em entrevista à Antena 1, o ex-ministro grego das Finanças, afirmou ao jornalista Frederico Pinheiro, "que quem fala de Portugal como um caso de sucesso está fora da realidade".

Yanis Varoufakis aponta a emigração e a estagnação da economia como exemplos claros do falhanço da austeridade.

"Portugal só vai conseguir resolver os problemas económicos e sociais se não cumprir as regras europeias", garante Yanis Varoufakis.

O antigo membro do Syriza fala em regras tão irracionais que ninguém as consegue cumprir mesmo que queira e deixa conselhos ao próximo Governo português.

Varoufakis defende uma política de fronteiras totalmente aberta, para acolher os refugiados, referindo ser uma questão de humanidade básica.

Para o economista grego, "as políticas de austeridade são uma cortina de fumo para passar o fardo da crise financeira dos ricos para os pobres".

O ex-ministro das Finanças sublinha que não há qualquer objetivo económico na aplicação dos cortes, "porque a austeridade falhou totalmente na redução da dívida, em todos os países".

Fala nos fatores que levaram à crise de 2008, uma das maiores da história do capitalismo, e explica que as "crises são tão naturais no capitalismo como a produção de iPhones".




 
 
pessoas



 
ligações
Evento > Aula Inaugural dos Programas de Doutoramento CES-UC > Democratising the Eurozone
 
temas
política    crise    auteridade    eurogrupo    UE    economia    emigração